Alunos de Medicina e Enfermagem realizam Workshop em "Fundamentos de Atendimento ao Paciente"

Os alunos dos primeiros períodos dos cursos de Medicina e Enfermagem da Universidade Federal do Amazonas promovem no próximo dia 13 de setembro, um workshop da matéria “Fundamentos de Atendimento ao Paciente”, que será realizado na escola de Enfermagem de Manaus, situado na rua Teresina, 495, bairro Adrianópolis.

Com o slogan “Enfermagem e Medicina de mãos dadas na assistência ao paciente”, o evento terá programação das 08h às 12h, com inscrições abertas até o dia do evento.

Voltado para todos os cursos da área da saúde, o workshop conta com diferentes temas:

- Administração de Medicamentos (esgotado)

- Sinais Vitais

- Precauções Padrão

- Primeiros Socorros ( esgotado)

Serão duas sessões por tema nos seguintes horários:

08h30 às 10 h

10h às 11h30

VAGAS LIMITADAS E COM EMISSÃO DE CERTIFICADO

INSCRIÇÃO GRATUITA.

Inscrições online:

https://docs.google.com/forms/d/12KLMQJZlFGLFTkxBGYu-bJpKLyNt0ZeergsJY3bAyt4/viewform

"Infância Violada" e "Fronteiras da Vida" são lançados no dia 29 de agosto, na Biblioteca Pública

A reitora da Universidade Federal do Amazonas, professora Márcia Perales, e a diretora da editora da Universidade, Suely Oliveira Moraes Marquez, convidam para o lançamento de dois livros “Fronteiras da Vida”, de Hamida Assunção Pinheiro e “Infância Violada”, de Cristiane Bonfim Fernandez, que acontece no próximo dia 29 de agosto, na Biblioteca Pública do Amazonas, situado na rua Barroso, Centro. 

Encontro N-Linguagens - Professor Eduardo Martins aborda as representações da criança e do adolescente institucionalizadas no ECA

A exemplo do que ocorre em toda última segunda-feira do mês, o grupo N-Linguagens promove, nesta noite, a partir das 19h, o Encontro N-Linguagens.  O evento ocorrerá  no espaço Thiago de Melo da Livraria Saraiva (segundo andar do Shopping Manauara) e reunirá professores e autores para um debate  sobre as representações de criança e de adolescente institucionalizadas na Lei 8.069/90, conhecida como Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). 

Nesta edição, o palestrante é o professor Eduardo Cardoso Martins, do Departamento de Letras e Língua Portuguesa (DLLP) da UFAM. A palestra dele, intitulada "A criança do estatuto e o estatuto de criança: um estudo discursivo sobre as representações sociais no judiciário manauara",  tem como objetivo verificar qual representação (imagem compartilhada) está exposta no discurso judiciário manauara quando sentencia sobre uma causa.

Demonstra-se que os juízos de valores nas sentenças são baseados em reconstruções discursivas do conceito de criança e adolescente deslocados daqueles cristalizados no ECA, ou seja, os documentos decisórios são baseados tanto no “dito” como também no “não-dito”, isto é, nas representações sociais daqueles que as interpretam. O arcabouço teórico-metodológico parte da Análise de Discurso Crítica, Fairclough (2001, 2003), que propõe uma concepção de linguagem como Prática Social; e norteia-se, também, na proposta de Halliday e Hasan (1991), e Halliday e Matthiessen (2004), que fundamentam a Gramática Sistêmico-Funcional. As representações sociais são apoiadas nas pesquisas de Moscovici (1972) e Abric (1976).

O professor Eduardo Cardoso Martins, do DLLP-UFAM, possui graduação pela Universidade Federal do Amazonas (2007); especialização e mestrado em Linguística pela Universidade de Brasília (2012). A atividade dele está concentarda na área de Letras com ênfase em Funcionalismo, Pragmática, Teorias da Enunciação, Conceitos de Língua, Análise crítica do discurso, Gêneros Textuais e Produção Textual. 

 

 

 

Semana Jurídica da Ufam inicia nesta segunda-feira (26)

O Centro Acadêmico de Direito (CAD) "17 de Janeiro" convida todos os acadêmicos e operadores do Direito para participarem da Semana Jurídica 'Xavier de Albuquerque', que ocorre de 26 a 30 de agosto, na Ufam, e vai homenagear o único amazonense a chegar ao Supremo Tribunal Federal (STF), Ministro Francisco Manoel Xavier de Albuquerque.

Dentre as diversas atrações da Semana, o destaque é para o ex-ministro do STF, Eros Roberto Grau, que vai ministrar a palestra “Por que tenho medo dos juízes?”. Com início às 19h, a apresentação de Eros vai ser no último dia do evento, dia 30 de agosto (sexta-feira), no auditório Eulálio Chaves, localizado no setor Sul da Universidade.

Para cada dia do evento, é cobrado o valor de R$ 10,00, exceto no dia da palestra de Grau, quando será cobrado R$ 25,00 por pessoa.

Para outras informações e compras, contate: 82494254 / 84051594 / 91319689

 

Cronograma da semana:

26 de agosto (segunda-feira):
*18h - Processo Civil e Estado Constitucional.
Ticiano Alves - Procurador do Estado do Amazonas 
*20h - A população Carcerária no Amazonas
Marcelo Ramos - Deputado Estadual pelo PSB
LOCAL: Auditório da Faculdade de Direito/UFAM

27 de agosto (terça-feira):
*18h - Constitucionalização da criminalização da Homofobia
Cássio André Borges dos Santos - Juiz da 9ª Vara Cível Especial
*20h - Direito Penal do Réu
Nasser Abrahim Nasser Netto - Promotor de Justiça da Vara da Infância e Juventude
LOCAL: Auditório da Faculdade de Direito/UFAM

28 de agosto (quarta-feira):
*18h - Debate interdisciplinar: A legitimidade das recentes manifestações no Brasil
Sociologia: Professora Ana Maria Belfort
Filosofia: Professora Maria do Socorro Jatobá
LOCAL: Auditório da Faculdade de Direito/UFAM

29 de agosto (quinta-feira): 
*18h - Debate: Lei de Improbidade Administrativa
Diego D’Ávilla – Advogado
Jorge Luiz Ribeiro de Medeiros - Procurador da República
LOCAL: Auditório da Faculdade de Direito/UFAM

30 de agosto (sexta-feira):
*19h - “Por que tenho medo dos juízes?”
Eros Roberto Grau – Ex-Ministro do Supremo Tribunal Federal
LOCAL: Auditório Eulálio Chaves/UFAM

Grupo promove III Encontro Regional da Didática de Ciências, nos dias 16 e 17 de setembro, na Ufam

O Grupo Interdisciplinar de Estudos e Pesquisas em Ensino de Ciências e Matemática (GIEPECMA) promove, nos dias 16 e 17 de setembro, o III Encontro Regional da Didática de Ciências.

O evento vai ser realizado na Universidade Federal do Amazonas (Ufam) e terá como conferencista o professor doutor Evandro Ghedin, conceituado educador e pesquisador que discutirá sobre as tendências contemporâneas da formação inicial de professores de ciências e matemática.

O objetivo da conferência é ampliar as discussões sobre o caminho percorrido do conhecimento cotidiano ao conhecimento científico, bem como suscitar reflexões epistemológicas no campo dos saberes didático-pedagógicos.

As inscrições são gratuitas e devem ser encaminhadas para o seguinte e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo." target="_blank">didaticadasciencias@hotmail.com, com nome, nº do telefone, e-mail, Instituição de origem e curso do interessado. As vagas são limitadas.

Para outras informações, entre em contato com a comissão organizadora do evento por meio dos seguintes contatos: 8838-0361/9175-2631/ 9514-9397/ 8103-3842.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Anexos:
Fazer download deste arquivo (PROGRAMACAO Finalizada.pdf)PROGRAMACAO Finalizada.pdf[ ]83 kB

“Um pouco do Cinema Nórdico” é o tema da próxima semana no Cine & Vídeo Tarumã

Na última semana de agosto, o Cine & Vídeo Tarumã, da Ufam, apresenta, em sua programação, um pequeno panorama do cinema do norte da Europa, dos países nórdicos, mais precisamente escandinavos.

O nome da semana é “Um Pouco do Cinema Nórdico” e nela serão apresentados filmes atuais da Suécia, Noruega e Finlândia. Depois de certa aceitabilidade e proeminência nos anos 1960 a 1980, quando o cinema dos países nórdicos, notadamente o da Suécia, ganhou destaque mundial com seu ícone maior Ingmar Bergman, a produção deste século 21 luta por romper os cânones hegemônicos do cinema de estilo mundial/comercial e lança alguns cineastas que, às vezes, ousam propor leituras diferentes.

Esse é o caso de Aki Kaurismaki e Lukas Moodysoon. Quanto ao gênero, a produção nórdica está diversificada, ganhando com isso destaque em vários festivais e chegando a disputar o Oscar. É o reconhecimento de sua aceitação pelo público e a crítica.

 

 

Gelo Negro

Na segunda feira, dia 26, o filme a ser apresentado é “Gelo Negro”, do diretor finlandês Petri Kotwica. No filme, Saara é uma médica de meia-idade que um dia descobre que seu marido, o arquiteto Leo, está tendo um caso com uma mulher mais jovem, Tuuli. Em vez de revelar sua verdadeira identidade, Saara finge ser outra pessoa e faz amizade com Tuuli. 

Ao mesmo tempo, ela está planejando a melhor maneira de vingar-se do seu marido e sua amante. Erotismo com pitadas de drama, realismo fantástico, e humor negro marcam este premiado filme finlandês, vencedor de mais de nove prêmios em festivais internacionais e indicado ao Urso de Ouro no Festival de Berlim. 

 

 

Caro Sr Horten

Na quarta-feira, dia 28, será exibido o filme “Caro Sr. Horten”, do diretor norueguês Bent Hamer. Na comédia dramática, Odd Horten é confiável e contido: ele é um engenheiro de trem que irá se aposentar após 40 anos de serviço, vivendo uma vida simples. Sua ideia de aventura é voar de uma cidade na Noruega para outra.

Começando na noite do seu jantar de aposentadoria, Odd tem uma série de experiências inusitadas: um menino insiste que Odd fique ao seu lado até que ele adormeça; ele testemunha uma prisão; auxilia um idoso e faz um amigo; faz uma viagem com um motorista de olhos vendados; adota um cão. As desventuras fazem com que Odd perca sua última corrida e ele se pergunta, afinal, como ele deve viver o resto de sua vida.

 

 

 

 

Patrick, 15

Fechando a programação, na sexta feira, dia 30, o filme que será exibido é “Patrik, 1.5”, da diretora sueca Ella Lemhagen. O longa conta a história de um casal gay que adota quem eles acreditam ser um bebê de um ano e meio de idade (1.5) chamado Patrik. No entanto, quando o menino chega, ele não é bem o que os dois esperavam.

Houve um erro de digitação na idade do garoto e o casal recebe um jovem de 15 anos, homofóbico e com um passado criminoso. Entretanto, o que no início parece ser um conflito insolúvel, aos poucos se revela uma sensível descoberta da amizade e do amor paterno, entre pessoas totalmente estranhas umas às outras.

 

 

 

Pausa

Na semana seguinte, as atividades do Cine & Vídeo Tarumã sofrem uma interrupção por conta da realização do Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, o Intercom, de caráter nacional e recheado de atividades.  

O projeto Cine & Vídeo Tarumã é uma atividade de extensão do Departamento de Comunicação Social da UFAM, com as sessões acontecendo sempre às 12h30, no Auditório Rio Negro, do Instituto de Ciências Humanas e Letras, localizado no Setor Norte do Campus Universitário. As sessões são gratuitas e recebem o apoio cultural da Take Video Locadora.